I M P O R T A N T E

As informações, sugestões e tratamentos citados neste blog e em seus links tem caráter apenas informativo, nunca substituindo a opinião ou conselho de seu médico.

sexta-feira, 18 de março de 2011

Cai a bolsa, aumentam os Infartos no coração


  A crise financeira que assolou o mundo em 2008/2009 causou muito sofrimento econômico medido em termo de empregos perdidos e execuções hipotecárias. Talvez seja hora de adicionarmos também um problema de saúde a esta catástrofe. Documentou-se um aumento do número de ataques cardíacos quando houve a queda da bolsa.
  Pesquisadores da Universidade americana de Duke  revisaram o prontuário médico de 11.590 pessoas que tinham sido submetidos a exames do coração, durante um período de três anos e, em seguida, compararam com as taxas de ataque cardíaco mensais com o nível do mercado de ações. Observaram que os ataques cardíacos aumentaram de forma constante durante um período de oito meses - setembro de 2008 a março de 2009 - que foi particularmente ruim para a bolsa.

graph charting heart attack rate and stock market performance
  Apesar de ninguém poder prever o que vai acontecer  no sobe-desce da bolsa, você pode tomar precauções extras para proteger o seu coração. Os fundamento básicos de prevenção de risco como dieta saudável, parar de fumar, realizar exercícios regularmente,  a medida regular do colesterol, controle do estresse,

 e utilização regular da medicação são fundamentais. Pense nesses hábitos de vida como um investimento a longo prazo na sua saúde.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Casado(a)? Sua chance de morrer por doença do coração pode ser menor!

Pessoas com doença cardíaca  casados apresentam menor risco de morte por doenças do coração assim como de outras doenças do que os não...